ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

SUÍTE ORQUESTRAL Nº 3 EM RÉ MAIOR, BWV 1068

Última modificação : Quarta, 02 Outubro 2013 21:15


JOHANN SEBASTIAN BACH  (1685-1750)

ALEMÃO – ERA BARROCA - 972 OBRAS

 

SUÍTE ORQUESTRAL Nº 3 EM RÉ MAIOR, BWV 1068


Acredita-se que Bach começou a compor as suítes orquestrais em Cöthen. Este gênero, também chamado de Overture, é derivado de óperas francesas e de balés e tinham a finalidade de entreter os ouvintes. 

Esta obra foi escrita por volta de 1717 e sua estréia em Leipzig provavelmente foi no Zimmermann Coffee House. As hoje chamadas “suítes para orquestra”, aparecem nas partituras originais com o nome da primeira peça que compõe a obra. No caso desta suíte é a “Abertura”, que é seguida por uma ária - conhecida separadamente como Ária da Corda Sol, ou Ária da Quarta Corda - e quatro movimentos de dança num estilo vigoroso e espontâneo. A sonoridade orquestral – cordas e oboés, principalmente – é tornada mais brilhante pela inclusão de três trompetes.


A ária desta suíte é um dos mais belos exemplos da inspiração bachiana. A peça não exige nenhuma análise ou descrição porque não é possível analisar nem descrever a beleza em seu estado de maior pureza. É preciso deixar-se levar por ela até que nos toque a alma e nos mostre do que é capaz a inspiração de um ser humano.


         Overture (7´)

         Ária (4´45”)

         Gavotte I e II (4´27”)

         Boureé (1´19”)

         Gigue (3´02”).


Vídeo