ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

CONCERTO PARA PIANO E ORQUESTRA Nº 1 EM RÉ MENOR, BWV 1052

Última modificação : Segunda, 30 Setembro 2013 16:01


JOHANN SEBASTIAN BACH  (1685-1750) 

ALEMÃO – ERA BARROCA - 972 OBRAS

 

CONCERTO PARA PIANO E ORQUESTRA Nº 1 EM RÉ MENOR, BWV 1052

 

Composto em Cöthen, em 1735, é um dos mais famosos concertos de Bach e um dos preferidos do próprio compositor. Ele fez uma transcrição deste concerto para violino solo. Esta obra requer um exímio pianista para que o ouvinte se identifique com a linha melódica do teclado, deixando-se levar pelas vozes e pelos diálogos entre o solista e as cordas. Nos três movimentos, todos os instrumentos tocam o tema juntos – com exceção do fantástico finale – através de diálogos. Cada instrumento parece querer transmitir uma mensagem. 

 

No primeiro movimento há o predomínio do ritornello, sendo que as cinco primeiras notas tornam-se a base da melodia que cresce e é modulada em tonalidades vizinhas, até o desfecho com uma cadência exuberante. Bach usou, mais tarde, este movimento como um Prelúdio para Órgão.O segundo movimento foi escrito na tonalidade de sol menor e tem a solenidade do basso ostinato. O tema percorre várias tonalidades vizinhas e termina com a sobriedade caracterizada pelo adágio. Este movimento tornou-se o primeiro coro da Cantata nº 146 “Wir Müssen Durch Viel Trubsal”.O terceiro movimento segue a mesma construção do primeiro, com a melodia oscilando do grave ao agudo e terminando com uma cadência curta e bem elaborada. Na obra de J.S.Bach nota-se a sua incrível habilidade de esculpir melodias atemporais, as quais combinam o barroco com a imortalidade de uma arte grandiosa. 

 

 Allegro

Adagio

Allegro


Vídeo