ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

DANÇAS HÚNGARAS

Última modificação : Terça, 05 Fevereiro 2019 17:08



JOHANNES BRAHMS (1833-1897)

ALEMÃO – ERA ROMÂNTICA - 135 OBRAS 



DANÇAS HÚNGARAS (Em alemão: UNGARISCHE TÄNZE)

Escritas originariamente para duo de piano, as vinte e uma Danças Húngaras de Brahms cobriram o mundo em arranjos de todos os tipos, inclusive os dele próprio, para orquestra. Nesta obra, o compositor deu nova forma a um material popular da época considerado de domínio público, o que gerou uma grande polêmica. Brahms transcreveu três dessas danças – 1, 3 e 10 – para orquestra em 1874. A de número 1 serve de fundo musical à hilariante cena na barbearia, de “O Grande Ditador”, de Chaplin.

 

Número de catálogo: WoO 1

 

Movimentos: 21 peças

Allegro molto (sol menor)

Allegro non assai (ré menor)

Allegretto (Fá maior)

Poco sostenuto (Fá maior)

Allegro (fá ♯ menor)

Vivace (Ré maior)

Allegretto (Fá maior)

Presto (lá menor)

Allegro non troppo (mi menor)

Presto (Mi maior)

Poco andante (ré menor)

Presto (ré menor)

Andantino grazioso (Ré maior)

Un poco andante (ré menor)

Allegretto grazioso (Simaior)

Con moto (fá menor)

Andantino (fá ♯ menor)

Molto vivace (Ré maior)

Allegretto (si menor)

Poco allegretto (mi menor)

Vivace (mi menor)

 

Ano da composição: 1858-1868 (Nos.1-10); 1879 (Nos.11-21)

Primeira apresentação: 05 de fevereiro de 1874, Leipzig (Nos.1, 3, 10)

Primeira publicação: 1874 (Nos.1, 3, 10) ; os arranjos foram publicados em várias datas

Estilo: Romântico

Obras relacionadas: 21 Danças Húngaras para piano (WoO 1)

 

Brahms orquestrou somente as de nº 1, 3 e 10. As 18 restantes foram orquestradas por outros compositores, comissionados pelo editor Simrock.

 

 

 

Vídeo

 

 

 

 

 

Fonte:

wikipedia.org (artigo em inglês)

IMSLP/Petrucci Music Library