ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

SINFONIA Nº 4 EM FÁ MENOR, OPUS 36

Última modificação : Quarta, 29 Outubro 2014 16:33


PYOTR ILYICH TCHAIKOVSKY (1840 – 1893)

RUSSO – ERA ROMÂNTICA - 159 OBRAS 


SINFONIA Nº 4 EM FÁ MENOR, OPUS 36 


Todas as peças sinfônicas de Tchaikovsky refletem a turbulência da sua alma e uma paixão ardente. Ele começou a compor esta obra no final de 1876, época em que achou que o casamento lhe proporcionaria ascensão social e seria uma catarse para os seus conflitos psicológicos. Casou-se, então, com Antonina Milyukova, uma de suas alunas, em julho de 1877. Separou-se dois meses depois e tentou o suicídio. O desespero diante do Destino é um comentário do compositor sobre o seu estado de espírito durante esse desastroso casamento. Em outubro desse mesmo ano conheceu Nadezhda von Meck, sua patrocinadora financeira. Foi nela que Tchaikovsky encontrou inspiração e equilíbrio emocional para terminar a 4ª sinfonia, no final de janeiro de 1878, dedicando-a a ela.Esta obra se distancia das anteriores pelo amadurecimento do seu trabalho, refletido na riqueza melódica. O próprio compositor a considerava a sua obra mais perfeita. Foi com ela que começou a tratar a sinfonia como uma forma superior de expressar emoções e sentimentos pessoais. Pode-se dizer que a Sinfonia nº4 é um diário emocional em forma de música. 


. 1º movimento (Andante): uma fanfarra de metais agourenta, simulando o Destino é seguida por um tema de cordas evocativo de momentos decisivos da Carmen, de Bizet. Eis o comentário do compositor sobre a recorrência dessa fanfarra: “A vida é uma alternância incessante de árdua realidade e fugazes sonhos de felicidade”.


. 2º movimento (Andantino): um lamento para oboé torna-se um caloroso e nostálgico tema de cordas, que vai do desespero nobre à conclusão serenamente resignada.. 3º movimento (Scherzo): após o recuo do lamento do 2º movimento, o animado scherzo apresenta cordas em pizzicato alternando com blocos vistosos de madeira e metais, numa desordem jovial.


. 4º movimento (Allegro com fuoco): um tema febrilmente estrepitoso é contrastado com variações sobre uma canção infantil russa sobre noivas esperançosas, evidentemente uma referência à Antonina. A obra termina com rude determinação. 


Andante sostenuto – Moderado com anima

Andantino in modo di canzona

Scherzo – Pizzicato ostinato

Finale – Allegro com fuoco



Vídeo