ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

AS QUATRO ESTAÇÕES – PRIMAVERA

Última modificação : Quarta, 04 Março 2020 15:15




ANTONIO LUCIO VIVALDI (1678 – 1741)

ERA BARROCA - ITALIANO - c. 811 OBRAS


AS QUATRO ESTAÇÕES – CONCERTOS PARA VIOLINO, CORDAS E CRAVO, OP.8

Os concertos “As Quatro Estações” foram publicados em Amsterdã em 1725 com mais oito concertos sob o nome Opus 8. Porém, as datas exatas da composição desses concertos não são conhecidas. Esse conjunto ficou popularmente conhecido por "Il Cimento dell'Armonia e dell'Invenzione" – “Experiência de Harmonia e Invenção” (“invenção”, neste contexto, refere-se ao desenvolvimento contrapontístico), um testamento do admirável teor de técnica intelectual e fantasia criativa de Vivaldi. As Quatro Estações é, acima de tudo, a celebração da rica impressão individual das mudanças de estações, inspirando a evocação do universo inteiro de emoções associadas a elas. Vivaldi esforçou-se para completar a experiência de seu público exibindo pinturas e sonetos para os músicos e para a platéia. A autoria destes sonetos demonstrativos não é confirmada, embora muitos acreditem que eles descrevem a música tão bem que Vivaldi é um perfeito candidato a lhes ter escrito.  


A Primavera - soneto

Chegada é a Primavera e festejando
A saúdam as aves com alegre canto,
E as fontes ao expirar do Zeferino
Correm com doce murmúrio.

Uma tempestade cobre o ar com negro manto
Relâmpagos e trovões são eleitos a anunciá-la;
Logo que ela se cala, as avezinhas
Tornam de novo ao canoro encanto.

Diante disso, sobre o florido e ameno prado,
Ao agradável murmúrio das folhas
Dorme o pastor com o cão fiel ao lado.

Da pastoral Zampónia ao Suon festejante
Dançam ninfas e pastores sob o abrigo amado
Da primavera, cuja aparência é brilhante.


Primavera - análise:
O primeiro movimento relaciona-se com a primeira e a segunda estrofes; o segundo com a terceira e o terceiro com a quarta. Vivaldi descreve o chegar da primavera com uma melodia doce, remetendo ao canto dos pássaros. Mas também há a tempestade, onde os raios e trovões cobrem o ar em um manto negro. Apesar disto, sem se importar, ficam os passarinhos, retornando ao seu encanto canoro. Uma festiva reunião, onde ao som alegre das gaitas camponesas, dançam as ninfas e os pastores, sob o ansiado céu de primavera, a surgir, brilhante.
 O ano no hemisfério norte começa no inverno e a primeira estação completa é a primavera. O Catálogo de Ryom demonstra ter sido este o primeiro concerto da série, mas não houve uma sequência perfeita. Seguindo a ordem da natureza, a próxima composição deveria ser O Verão, mas na realidade Vivaldi dedicou-se ao Outono. O tema do primeiro movimento, baseia-se na ária "Dell'aura al sussurrar" da ópera "Dorilla in Tempe".  


PRIMAVERA, CONCERTO Nº1 EM MI MAIOR, RV269

Allegro

Largo

Allegro  


Nota: RV significa Ryom Verzeichnis - Catálogo de Ryom (1974). Peter Ryom (1937 - ) foi um erudito dinamarquês, autor do principal catálogo das obras do Padre Ruivo.


Vídeo