ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

SANTORO, CLAUDIO (1919-1989 )

Última modificação : Segunda, 27 Março 2017 11:17



MÚSICA CONTEMPORÂNEA
 
Compositor brasileiro, nasceu em Manaus em 23 de novembro de 1919 e faleceu em Brasília em 27 de março de 1989.
 
Estudou no conservatório do Rio de Janeiro, onde sofreu influência de Koellreutter. Obteve bolsas de Guggenheim Foundation (1946) e do governo francês (1947). Em Paris, Nadia Boulanger afastou-o do dodecafonismo, a que tinha sido levado por Koellreutter. Conquistou em 1948 o primeiro prêmio da Lili Boulanger Foundation, de Boston. Tendo aderido ao nacionalismo musical, voltou depois ao dodecafonismo em 1960.
 
Organizou e dirigiu o departamento de música da Fundação Universidade de Brasília (1962-1965). De sua obra já extensa criam-se, principalmente, oito sinfonias (1942, 1945, 1947, 1953, 1955, 1957, 1959-1960 e 1963) para grande orquestra; três concertos para piano e orquestra (1951, 1958-1959 e 1960); dois concertos para violino e orquestra (1951 e 1958); um concerto para violoncelo e orquestra (1961). E, ainda, In Tele tonus visionem (para televisão, 1967), Intermitências II (1967), obra aleatória, com piano solo, quatro microfones direcionais, dois alto-falantes e um amplificador para orquestra de câmara, etc.
 

Visite a: Associação Cultural Claudio Santoro
 
 

Fonte: Enciclopédia Mirador Internacional