ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

Noção de Deus no Barroco, A

Última modificação : Quarta, 02 Julho 2014 18:00



No Período Barroco, a noção de Deus estava intimamente ligada ao respeito ao soberano, o que levava a uma concepção hierárquica em que a identificação simbólica das duas figuras não tinha a conotação de uma blasfêmia. Deus era, por definição, o soberano supremo e a distância entre o rei, ou seus prepostos, e os mortais era tão grande que o hiato entre príncipe e burguês era considerado intransponível.


A partir da época do Barroco, a realeza vivia em palácios suntuosos, semelhantes às igrejas e que nada tinham em comum com as habitações de seus súditos. Por conseguinte. Era um “ser superior”: na corte de Luís XIV, os fiéis que assistiam à missa deviam sentar de costas para o altar e de frente para o rei, como se Deus só pudesse ser alcançado pela intervenção do soberano, o demiurgo! 


Fonte: “O Diálogo Musical”, N.Harnoncourt