ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

Mais famosas salas de concerto do mundo, As

Última modificação : Segunda, 16 Fevereiro 2015 17:27


 

 

Quando surgiram os primeiros grupos sinfônicos, na segunda metade do século 18, a sociedade cultural sentiu a necessidade de um local com uma acústica melhor para suas apresentações. Os primeiros locais foram as naves de grandes igrejas alemãs, como a “Thomaskirche”, em Leipzig, utilizada para os concertos de Johann Sebastian Bach. O tempo passou e somente no início do século 19 foram inaugurados teatros específicos para música. As mais antigas salas de concerto foram inauguradas na segunda metade do século 19 e hoje estão espalhadas pelo mundo inteiro.

 

Continue lendo sobre salas de concertos: http://bit.ly/10bDVRU


 

ROYAL ALBERT HALL, LONDRES

 

Com capacidade para mais de oito mil pessoas, a Royal Albert Hall, em Londres, foi inaugurada em 29 de Março de 1871 pela rainha Vitória, em memória do seu falecido marido Albert. A arquitetura da Royal Albert Hall é uma das mais preciosas e distintas do mundo e artistas de todos os gêneros se apresentaram em seu palco. Desde sua inauguração, a Royal Albert Hall tem sido utilizada para eventos culturais e desportivos, com concertos ou espetáculos musicais. A sala já contou com a presença de Led Zeppelin, Oasis, Beatles, Lang Lang, Andrea Bocelli e Adele.



RoyalAlbertHall2

 Crédito da foto: Muriel Gottrop 

Fonte: Wikipedia.org


 

Confira a apresentação completa de Lang Lang na Royal Albert Hall: http://youtu.be/dnSfQLydUFA

 


CONCERTGEBOUW, AMSTERDÃ

 

Graças a excelente acústica da Concertgebouw, em Amsterdã, ela é considerada uma das três melhores salas de concerto do mundo. Ela é, também, a sede da Orquestra Real do Concertgebouw (Koninklijk Concertgebouworkest). Atualmente, no Concertgebouw, se interpretam anualmente cerca de oitocentos concertos ao ano para um público de 850 mil pessoas, sendo considerada, também, uma das salas de concerto mais visitadas do mundo.



Concertgebouw

 Concertgebouw Amsterdã em 2006 

Crédito da foto: Hans-Peter Harmsen 

Fonte: Wikipedia.org


 

Confira a execução do concerto para violino de Tchaikovsky na Concertgebouw: http://bit.ly/ZBWI7L

 


KURHAUS, ALEMANHA

 

O espaço Kurhaus foi construído entre 1884 e 1885 originalmente para servir como um hotel com uma sala de concertos. O edifício foi fechado em 1969 e em 1975 o Kurhaus foi conservado da demolição e tombado como um edifício histórico. O edifício foi renovado inteiramente e prospera mais uma vez como uma das mais bonitas salas de concertos do mundo.



Kurhaus HDR

Crédito da foto: Benjamin Dahlhoff 

Fonte: Wikipedia.org


 

Confira a execução de “Rhapsody in Blue”, de George Gershwin, na Kurhaus: http://bit.ly/13dOgeP

 


SALA SÃO PAULO, SÃO PAULO

 

O imponente edifício da Estrada de Ferro Sorocabana abriga hoje a Sala São Paulo. Sede da OSESP, é uma das mais importantes casas de concertos e eventos do País. Tombada como patrimônio histórico pelo Condephaat, a Sala São Paulo foi inaugurada em 9 de julho 1999 com a apresentação da sinfonia “A Ressurreição”, de Gustav Mahler, pela OSESP, para ser mantida como importante marco de nossa cidade.



Salasaopaulo

Interior da Sala São Paulo 

Atribuição: Ed1983 em Wikipédia em inglês


 

Confira a execução da Sinfonia nº2 “A Ressurreição”, de Gustav Mahler, na Sala São Paulo: http://bit.ly/N1olQv