ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

Joseph Haydn

Última modificação : Domingo, 18 Março 2018 11:16




Franz Joseph Haydn, além de sinfonias, compôs músicas de câmara, óperas, concertos, sonatas para piano, oratórios e missas. São cerca de 750 trabalhos e aproximadamente 330 arranjos em canções. Haydn tem seu lugar na história marcado pelas inovações que trouxe à música sinfônica. Continue lendo sobre o compositor



SINFONIA “A DESPEDIDA”

 

A personalidade de Haydn revelava um lado cômico. Na Sinfonia nº45, “A Despedida” ele fez com que os músicos parassem de tocar, um de cada vez, até que só sobrasse um único musicista no palco. Esse protesto era uma forma de dizer ao príncipe que eles estavam precisando de férias.

 

Assista o vídeo da “Sinfonia nº 45 – A Despedida”: http://j.mp/Zrw5Ba

 

 

ORATÓRIO “AS ESTAÇÕES”

 

Em 24/04/1801 estreava em Viena “As Estações”, de Haydn. O libreto desse oratório foi fornecido pelo barão Gottfried van Swieten, patrono de Mozart e Beethoven, que já havia fornecido o libreto de “A Criação”. O processo de composição de “As Estações” foi imensamente difícil para Haydn. Sua saúde debilitada fez com que levasse dois anos para concluir o trabalho. A estreia em 1801 foi um sucesso absoluto.


Saiba mais sobre esse oratório

 

Aqui você encontra o vídeo de “As Estações”: http://bit.ly/17L4BtH

 

 

SINFONIA “A SURPRESA”

 

Na Sinfonia nº 94 “A Surpresa”, Haydn introduziu um repentino acorde em fortíssimo logo após a abertura do tema em piano, no segundo movimento. Essa era uma maneira bem humorada do compositor que servia para evitar que os espectadores dormissem durante a execução.

 

Assista o vídeo da “Sinfonia nº 94 – Surpresa”: http://j.mp/11dLRQa


 

ORATÓRIO “A CRIAÇÃO”

 

“A Criação”, de Haydn, é uma das obras mais carismáticas de toda a história da música e, para muitos, a obra-prima do compositor. Está dividida em três partes: a primeira trata dos quatro dias iniciais da criação; a segunda, da criação da vida animal e a terceira parte é inteiramente dedicada a Adão e Eva. Continue lendo sobre essa obra

 

Confira o vídeo de “A Criação”: http://j.mp/ZrBSqv