ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

Villa-Lobos e a Melodia das Montanhas

Última modificação : Terça, 17 Fevereiro 2015 13:24


 


É um jogo pedagógico destinado a desenvolver o espírito de criatividade nas crianças e praticar os conhecimentos da teoria musical adquiridos pelos escolares – a milimetrização. A finalidade do gráfico da escala milimetrada é obter o desenho melódico da fotografia de uma montanha, paisagem ou colina, cujo perfil se reproduziu em uma folha quadriculada e, por meio de um pantógrafo, posto na escala de um por mil.

 

Escreve-se à margem, verticalmente e de baixo para cima, a sucessão cromática de 85 notas do sistema temperado, isto é, lá-1 ao lá-6. Marcam-se em seguida os principais pontos, ângulos ou sinuosidade do contorno cuja melodia se deseja conhecer. Esses pontos corresponderão, no sentido horizontal, às notas que se encontram escritas à margem, sendo que a tônica da melodia que se vai obter e que poderá pertencer, à escolha, ao modo maior ou menor há de corresponder ao nível do mar ou base da montanha.

 

Anotados os sons na pauta comum, resta determinar os seus valores e, por último, o compasso; verticalmente, cada linha corresponde a um valor que representa a unidade de movimento e que, a critério, pode variar entre a semicolcheia e a semínima. Quantas forem as linhas que medeiam as notas, tantas unidades se acharão englobadas em cada uma. O ritmo se determinará pela observação da maneira pela qual se agrupam os valores.

 

A 6ª Sinfonia de Villa-Lobos foi composta dentro de um estilo mais avançado e pessoal, com o auxílio da milimetrização, baseando-se em um tema fornecido pela linha das montanhas da Serra dos Órgãos.



Vídeo:

Sinfonia nº 6 "Sobre a linha das Montanhas"