ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

FALSTAFF

Última modificação : Sábado, 09 Fevereiro 2019 15:24




VERDI, GIUSEPPE (1813-1901)

ITALIANO – ÓPERA ROMÂNTICA – 42 OBRAS

 

 

Commedia lirica em três atos, composta entre 1889 e 1892, revisada em 1893-1894. Estreou em 09 de fevereiro de 1893 no La Scala de Milão, Itália. Libreto de Arrigo Boito, baseado em The Merry Wives of Windsor, de W.Shakespeare.

 

Última ópera de Verdi, foi também sua primeira ópera cômica desde o desastre de Un giorno di regno, 53 anos antes. Composta quase em segredo, pois Verdi não estava certo de viver o suficiente para concluí-la, mostraria que ele ainda podia surpreender, aos 79 anos. Como Otello, Falstaff troca as árias e os números fixos pelo modelo wagneriano de continuidade musical. Longe, no entanto, do habitual terreno trágico da ópera anterior, revela o humor de Verdi na loquacidade da orquestração, nas "fugas cômicas" e nos tumultuados ensembles, um deles com 12 partes vocais. Ele parodia não só as óperas cômicas de Rossini como algumas de suas próprias obras dramáticas. O público do La Scala inicialmente ficou perplexo, mas logo seria conquistado por seu irresistível encanto.

 

Papéis principais:

Windsor, Inglaterra, no início do século XV

 

. Sir John Falstaff, barítono - nobre dissoluto e barrigudo

. Ford, barítono - rico burguês

. Fenton, tenor - jovem fidaldo

. Dr. Caius, tenor - médico

. Bardolfo, tenor e Pistola, barítono - pagens de Falstaff

. Alice Ford, soprano - mulher de Ford

. Nanneta, soprano - filha de Ford

. Sra. Quickly, contralto - estalajadeira

. Meg Page, mezzo-soprano - amiga de Alice Ford

 

 

Vídeo

 

 

 

Fonte: Guia Ilustrado Zahar Ópera