ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

4ª SINFONIA EM SI BEMOL MAIOR, OP.60

Última modificação : Segunda, 20 Outubro 2014 17:37


 

LUDWIG VAN BEETHOVEN (1770 – 1827)

ALEMÃO – ERA CLÁSSICA – 398 OBRAS


 

Sinfonia No.4 em SI BEMOL MAIOR, Op.60

 

Movimentos: 4

I. Adagio – Allegro vivace

II. Adagio

III. Allegro vivace

IV. Allegro ma non troppo

 

Ano da composição: 1806

Primeira apresentação: Março de 1807, em Viena

Palais Lobkowitz. Orchestra / Ludwig van Beethoven

Primeira publicação: 1808 - partes*; 1823 - partitura completa**

(*) Vienna: Bureau des arts et d'industrie, Plate 596

(**) Bonn: N. Simrock, Plate 2078

Dedicatória: Graf Franz von Oppersdorff

Duração média: 30 minutos

Estilo: Clássico

 

Instrumentação orquestral:

flauta, 2 oboés, 2 clarinetes (B), 2 fagotes, 2 trompas (B, E), 2 trompetes (B,E), timpanos, cordas.

 

 

Beethoven dedicou a obra ao conde Von Oppersdorff, o qual, alguns anos atrás, fora à casa do príncipe Karl Lichnowsky, sendo parente do mesmo, e ouviu a Sinfonia n.° 2 do compositor. Oppersdorff gostou tanto da obra que ofereceu a Beethoven uma grande quantia em dinheiro, para que compusesse uma sinfonia para ele. A obra foi estreada em março de 1807 na casa do príncipe Franz Joseph von Lobkowitz, sob regência do próprio compositor. Sua segunda apresentação deu-se a 15 de novembro do mesmo ano no Burgtheater, em Viena. A partitura possui uma dedicatória "ao nobre conde silesiano Franz von Oppersdorff". Robert Schumann referiu-se à sinfonia como "uma esbelta donzela grega entre os gigantes nórdicos".


 

Vídeo


 

 



Fontes:

. IMSLP/Petrucci Music Library

. Wikipedia.org