ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

Sergei Prokofiev

Última modificação : Terça, 21 Junho 2016 15:08



 

Um enfant terrible. Era assim que Sergei Sergeievich Prokofiev era conhecido pelo exagero em suas composições. Pianista e compositor do modernismo clássico, ganhou fama por suas obras muitas vezes incompreensíveis. Natural de Sontsovka, cidade localizada na atual Ucrânia (antigo Império Russo), nasceu no dia 23 de abril de 1891. Filho único, era mimado pelos pais, o engenheiro agrônomo Sergei Alekseevitch e a pianista amadora Maria Grigoryevna.

 

 

Demonstrando, ainda criança, um grande fascínio pela música, Sergei Prokofiev foi levado pela mãe a estudar no Conservatório de São Petersburgo, onde conheceu o compositor russo Rimsky-Korsakov, principal mentor de sua carreira. Ainda pequeno, já era uma promessa na música e com apenas 16 anos compôs sua Sonata para piano nº 1. Sempre dedicado aos estudos, foi homenageado em 1911 com o Prêmio Anton Rubinstein como melhor aluno do conservatório.

 

Continue lendo sobre o compositor

 

Confira "Battle On The Ice": http://youtu.be/xyDKezDLGTM

 

 

Em 1914, o coreógrafo russo Diaghilev, impressionado com o trabalho de Sergei Prokofiev, encomenda uma peça para ballet ao compositor. A obra, intitulada Ala e Lolli, foi rejeitada, mas uma segunda chance lhe foi dada. Compõe então O Bufão, encenada em 1921. Mais tarde, modificou a obra recusada e a transformou na suíte orquestral Suíte Scythian, que estreou na Rússia em 1916. Execrada pela crítica, que a considerou muito extravagante, a composição foi diversas vezes aplaudida pelo público.

Já muito famoso, em 1915, Prokofiev é solicitado pelo Teatro Maryinsky a compor uma ópera. O resultado foi O Jogador, baseado em uma história de Dostoievsky. Com a Revolução Russa de 1917, o compositor deixa o país e passa a viver entre os Estados Unidos e a França.

 

Aqui você assiste o Piano Concerto nº3: http://youtu.be/RP7DSfpdRO8

 

 

Bem sucedido no trabalho, Prokofiev começou a prestar mais atenção nas mulheres. Os cabarés passaram a ser seu passeio favorito. Sua fama de conquistador já era conhecida quando, após um concerto em Nova York, conhece sua futura esposa, a soprano espanhola Carolina Codina, mais conhecida como Lina Llubera. Casaram-se em setembro de 1923. Tiveram dois filhos Sviatoslav, que nasceu em 1924, e Oleg, quatro anos mais novo.

 

Por falar em crianças, Prokofiev foi o compositor da obra Pedro e o Lobo, um dos principais sucessos de sua carreira. A obra é de extrema importância para a criançada e educadores.

 

Continue lendo sobre Pedro e o Lobo: http://bit.ly/16UqMRR

 

 

Prokofiev passou a excursionar por vários países do mundo, fazendo apresentações, inclusive no Japão. Aproveitou os novos ares para compor e entre as principais obras desta fase está a fábula O Anjo de Fogo, que retrata a luta entre o bem e o mal . Em 1929, entregou a Diaghilev o ballet L' enfant prodigue, última encomenda feita pelo coreógrafo, que morreu dois meses após a estreia, em Veneza. No ano seguinte, Prokofiev iniciou uma vitoriosa turnê pelos Estados Unidos, que se estendeu por Cuba e Canadá.

No dia 5 de março de 1953, Prokofiev morreu subitamente, vítima de hemorragia cerebral.

 

Aqui você encontra uma seleção com as melhores obras de Prokofiev: http://youtu.be/qnxya4ZspRI

 



Frase SergeiProkofiev